Principal Conheça a Rádio Colunistas Fale Conosco

Assembleia Legislativa assina convênio que cria vagas de estágio remunerado para deficientes

Assembleia Legislativa assina conv√™nio que cria vagas de est√°gio remunerado para deficientes  Foto: Miriam Zomer
Santa Catarina - 05/09/2013 - 19:29h

O presidente da Assembleia Legislativa, Joares Ponticelli (PP) assinou na manhã desta quinta-feira (5) convênio com o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE) que abre 20 vagas de estágio  remunerado para estudantes com deficiência.

"Encaminhamos o projeto junto com os deputados José Nei Ascari (PSD) e Ana Paula Lima (PT) para promover a inclusão social no âmbito do Legislativo catarinense. O programa Alesc Inclusiva reduz a discriminação e promove a inclusão através de um convênio com entidade de credibilidade. Estamos humanizando o Parlamento e as condições de convivência em uma Casa de debate e tens?es", afirmou o presidente da Assembleia.

De acordo com Ponticelli, a iniciativa representa mais um avanço na questão da inclusão. “A partir do trabalho desenvolvido na Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência estamos viabilizando a construção de políticas públicas voltadas para o processo de inclusão. Por sermos uma Casa de leis temos a obrigação constitucional de humanizar e atuar como exemplo para as câmaras de vereadores e todas as administrações municipais”, frisou.

Na condição de presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência, o deputado José Nei Ascari (PSD) explicou que inicialmente a contratação dos estagiários, que tomarão posse no dia 19 de setembro, se dará a partir da seleção que será feita por membros da comissão juntamente com a Comissão Interinstitucional, composta por servidores da Assembleia, baseado nos cadastros que serão encaminhados pelo CIEE. Segundo Zé Nei, as inscrições para concorrer às vagas deverão ser feitas até o dia 11 de setembro, no site do CIEE. “Além de promover a integração, esse projeto traz benefícios tanto para pessoa com deficiência, que vai se incorporar a equipe de servidores da Casa, quanto para os funcionários do Parlamento que poderão aprender a conviver com essas pessoas”, observou.

Já o diretor Executivo do CIEE, Anibal Dib Mussi, avalia positivamente o convênio. De acordo com ele, a iniciativa em especial vai sensibilizar outras empresas. “A partir do exemplo da Assembleia Legislativa, a comunidade empresarial vai refletir sobre a importância de incluir as pessoas com deficiência no mercado de trabalho”, afirmou.



Por: Marcia Regina

 Conte√ļdo relacionado

Principal Conheça a Rádio Colunistas Fale Conosco
Tempo Braco Do Norte
Tags mais buscadas:
Empregos Economia Farmácias de Plantão Obtuário Histórico de Áudio Estrevistas Esportes Variedades Classificados Utilidade Pública Recados dos Ouvintes

Rua Vereador Severiano Francisco Sombrio, 684 - Cx. Postal 67 - Centro - Braço do Norte/SC - Fone: (48) 3658-2178 / 3658-2180